Notícias

Câmara Itinerante abre espaço para a comunidade do Andrade Reis

17/12/2007 00:00 260
A última edição do Programa Câmara Itinerante implementado pelo Legislativo Municipal este ano beneficiou os moradores do Setor Andrade Reis, Jardim dos Girassóis
A última edição do Programa Câmara Itinerante implementado pelo Legislativo Municipal este ano beneficiou os moradores do Setor Andrade Reis, Jardim dos Girassóis e adjacência no sábado,15. A audiência Pública foi realizada na Escola Municipal Neivo Rocha. A realização da Câmara Itinerante no bairro aconteceu graças à solicitação da própria comunidade e traduziu o sucesso do programa com a população. O presidente da Associação de Moradores do Jardim dos Girassóis, José Arlindo Gomes, conhecido como Zezão solicitou ao presidente por meio de oficio. Queríamos a presença dos vereadores em nosso setor para que eles compartilhassem os problemas conosco, ressaltou José Arlindo. Durante a passagem da Câmara pelo bairro foram constatadas diversas situações, entre elas a falta da pavimentação asfáltica, creche, iluminação precária, ausência linha de ônibus, alta taxa de esgoto e maior drama dos moradores: a maioria dos imóveis não possuem escrituração. Outro problema registrado foram as fortes enxurradas que invadem as residências do Setor Serra Dourada I, quando chove. As águas descem das Avenidas dos Girassóis e Vitória Régia e vão direto para nossas casas, reclamou o segurança Mário Lucas da Costa Alves. Todas as reivindicações foram alvo de ofícios protocolados pelo presidente da Associação dos Moradores que entregou ao presidente da Câmara Municipal, João Antônio Borges (PSB). Tudo foi cuidadosamente encaminhado ao Poder Executivo por meio de uma indicação coletiva assinada pelos vereadores. A 11ª Edição do programa conseguiu alcançar o objetivo maior que é levar cidadania ao povo aparecidense. A idéia é promover o debate amplo e aberto com a população sobre os mais variados temas. A grande vantagem dessa inovação está na possibilidade de se discutir com o cidadão as leis municipais que interessam a cada setor. Dessa forma, a população, que geralmente não participa das reuniões ordinárias, fica conhecendo um pouco das nuancias da Câmara, além de ter a oportunidade de ver a atuação do vereador em quem votou. O objetivo também é realizar audiências democráticas, onde a população poderá participar ativamente dos debates, ou seja, membros e líderes da comunidade poderão usar a tribuna e apresentarem suas propostas, sugestões e reivindicações aos vereadores. Tudo é cuidadosamente anotado e encaminhado ao Poder Executivo por meio de uma indicação coletiva assinada pelos vereadores. João Antônio Borges está otimista quanto ao resultado dos trabalhos nos bairros e acredita na nova proposta como elo com o povo aparecidense. Através destas reuniões, a comunidade tem a oportunidade de levar ao conhecimento dos vereadores as questões que requerem atenção especial e exigem ampla discussão, na busca de possíveis soluções. Se o povo não pode ir até a Câmara nós vamos até lá, afirma o vereador.