Notícias

O transporte coletivo tem de atender o povo aparecidense

22/04/2008 00:00 237
O novo projeto do transporte coletivo só será implantado por aqui quando estiver de acordo com as carências do município e do nosso povo.
O transporte coletivo em Aparecida de Goiânia precisa ser mantido em evidência. Precisamos estar atentos aos interesses do povo da nossa cidade. Em bem verdade que o trabalhador que presta serviço na Capital precisa ser atendido com melhores condições e isso foi verificado no planejamento da Companhia de Transporte Coletivo da Região Metropolitana (CMTC). O projeto aprovado pela Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo da Região Metropolitana (CDTC) prevê a recuperação dos terminais de passageiros, dos pontos de ônibus, a criação de corredor para agilizar a viagem entre Aparecida de Goiânia e o Centro da Capital e a chegada de novos veículos, que servirão em maior quantidade às linhas, diminuindo o intervalo entre um carro e outro. Tudo isso era necessário, mas não podemos aceitar que isso basta. O usuário aparecidense, que precisa do transporte coletivo para transitar dentro da cidade, não está atendido com esse projeto. A Câmara Municipal, através do seu departamento jurídico encaminho para a CMTC e CDTC uma ação extra-judicial, informando da nossa insatisfação com o projeto, por não conter nenhum dispositivo para o transporte inter-bairros em Aparecida de Goiânia. A insatisfação continua. Nossa luta só vai acabar quando essa necessidade for atendida em sua plenitude. Não podemos aceitar um projeto que atenda somente aos interesses da Capital, onde todas as propostas giram em torno do que serve para Goiânia. Um projeto para a região metropolitana, tem de atender a todas as cidades que compõem esse aglomerado. Nossos interesses serão defendidos. Somos a segunda maior cidade do Estado, aqui vivem mais de 500 mil pessoas, votam mais de 230 mil. Além da Câmara Municipal, o prefeito José Macedo também está empenhado na defesa dos interesses aparecidenses na implantação do novo projeto de transporte coletivo da região metropolitana. Juntos, os poderes executivo e judiciário, de Aparecida de Goiânia tornam essa defesa ainda mais forte. O povo pode ficar tranqüilo, pois o novo projeto do transporte coletivo só será implantado por aqui quando estiver de acordo com as carência do município e do nosso povo.